Amor em mim

Na manhã,

O sol entra pela varanda acordando as flores, as árvores
E abrindo os seus lindos olhos.

Você chuva na grama,
Sol na vida,
Flor do meu jardim.

Você manhã de sol,
Ondas do mar, brisa leve
Amor em mim.

Sensação diferente
Presença existente
Luar sem fim.

S. Carneiro

Dia de Sol

Dia de Sol

Dia de Sol

Tarde de caminhadas pela cidade,
Pensando em caminhadas pela praia.
A música vai ao longe, fazendo simplesmente a gente viajar.
Somente viajar…

Tempo bom, tempo de procura.
uma procura talvez inútil,
Mas sempre há de ficar a sensação de que algo foi feito e nada foi deixado para traz.

Mundo difícil, cidade difícil
Olhos de mar…

A luz nos olhos, óculos escuro no rosto,
palavras ao vento,
o vento forte, ventando o que eu não sei…
Agora chegando em casa
no rádio \”Cat Stevens\” – Morning has broken…

Calma  e leveza, apesar de que em outro tempo, poderia até lágrimas fazer escorrer.

Meu amor onde estás?
Onde está o meu parceiro?
Onde é que está escondido?
Por que você não me responde?

Final de tarde, final de sol
Imagino o vento a levar meu pensamento
Meu rosto para as montanhas, no pôr do Sol
Meu corpo para a praia…
E você?
Parece que não existe
Vive fugindo de mim
E eu … tanta coisa para contar
Tanta coisa…

Você chuva de pensamento!

E você meu amor?
Você que me entenderá
Que para você, eu seria a menina dos seus olhos.
Seus olhos

Seu sorriso, meu abraço
Meu beijo, meu mar inteiro.

Até quando?

Até quando vou suportar viver sem você?
Até quando?

S.Carneiro